Home > Notícia

Notícia

Foto da notícia

Quase 200 mil roqueiros usaram o BRT nos primeiros dias de festival

Rio de Janeiro, 18 de Setembro de 2017.

Nos três primeiros dias de Rock in Rio, o BRT transportou cerca de 190 mil pessoas, o que representa 50% do seu público diário nos corredores exclusivos. Ontem, foi o dia de menor movimento nos três serviços especiais – 90, 92 e 93 - para o festival. Foram 40 mil ‘roqueiros’ indo para a Cidade do Rock, na Barra da Tijuca. Na sexta-feira, esse número foi de 70 mil. No sábado, chegou a 80 mil.  Para comportar a alta demanda, o setor operacional do BRT fez um megaplanejamento, que garantiu o funcionamento normal dos serviços regulares, sem causar transtorno aos passageiros habituais do sistema.


Em 2015, 110 mil fãs de rock usaram o BRT para ir ao festival na primeira semana de shows, o que mostra que houve um crescimento de 73% em relação à edição anterior. A quantidade de viagens (idas e voltas) feitas pelos serviços especiais do BRT também deve bater os números do último Rock in Rio, que registrou 4.683. Os três dias de festival já somam 3.489 viagens


Os intervalos entre um articulado e outro no Terminal Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca, ponto de integração com a Linha 4 do metrô, eram de menos de um minuto. O mesmo tempo de saída dos ônibus do BRT foi praticado no Terminal Centro Olímpico, em Jacarepaguá, que tem passagem subterrânea para a estação Morro do Outeiro. No entanto, como na volta para a casa milhares de pessoas deixaram o local de shows no mesmo momento, houve filas.


“É impossível não ter fila num festival em que 100 mil deixam o espaço no mesmo horário. Apesar disso, conseguimos montar uma operação em que os articulados saiam praticamente em sequência. Era o tempo de parar e o público entrar”, explicou a diretora de Relações Operacionais do BRT, Suzy Balloussier. A passarela do Terminal Centro Olímpico chegou a ter picos de 27 mil passageiros por hora.   


No sábado, o BRT registrou problemas em algumas estações e terminais, por causa da invasão de ambulantes. Mas com a atuação da Guarda Municipal no domingo a situação melhorou e os passageiros puderam circular com mais tranquilidade.


Crédito da foto: Hélio José Higino Neto

COMPARTILHE: Google+